Skip to content

Butelo de Vinhais

Trás-os-Montes tem uma longa tradição de enchidos e fumeiro e o Butelo de Vinhais (IGOP) é uma das suas mais fulgurantes estrelas.

Trás-os-Montes tem uma longa tradição de enchidos e fumeiro e esta uma das suas mais fulgurantes estrelas. O Butelo de Vinhais (IGP) – também conhecido como Bucho de Vinhais ou Chouriço de Ossos de Vinhais – é reconhecido pelo seu sabor único que advém de quatro factores fundamentais: a alimentação dos porcos, o método de produção utilizado, a fumagem lenta que permite a selagem dos aromas e a cura em ambiente fresco e seco. Como é se faz este enchido? Simples (ou não): “as carnes com ossos e as cartilagens (da zona das vértebras e costelas do porco) são cortadas em pequenos pedaços e colocadas num recipiente onde são temperadas. Esta mistura — conhecida por adoba — repousa durante um a três dias. Após os últimos acertos na condimentação procede-se ao enchimento em tripa grossa, estômago ou bexiga previamente cosidos ou atados com fio de algodão numa das extremidades, sendo a outra atada depois das “carnes” estarem bem compactadas. De seguida realiza-se a fumagem em fogo brando, com lenha de carvalho ou castanho, durante pelo menos 15 dias, à qual se segue um período de cura, em locais frescos”.

Relacionado com este produto